Thursday, August 06, 2009

10 de Maio


É amor
Dentro de mim
Dentro, em mim,
Acordando
Da letargia milenar
Só para te ver sorrir
Sem ver
O que vejo
Tão de perto
Tão para mim, por mim,
Sem fim num minuto
A contento
Um mar aberto
De mar a mar
Desaguando em minha nascente
Inundando minhas margens
Deixando correr todo o marfim.

É amor,
Que me esvazia até o fim
Para me encher de mim
Que me provoca, me afronta,
Me deslumbra a cru
Para se fazer, e se faz,
Rei de mim.

Amo-te
A cada segundo
Em cada ângulo
E em qualquer mundo
Ao meu lado
Ao lado, meu,
O meu melhor lado é:
teu.

(Dimas Gomes)

3 Comments:

Blogger Ms. França said...

É por isso que me orgulho tanto desse bambino mio!

1:03 PM  
Blogger Ary Régis said...

Que bom que voltou.

3:16 PM  
Blogger Alain Leon said...

Parabéns pelo Blog e pela arte pulsante na artéria.

6:40 PM  

Post a Comment

<< Home